PROGRAMA BEM ESTAR PESSOAL

“Saúde é o completo bem-estar biológico, psicológico e social e não apenas ausência de doença”. (OMS, 1986).

                  O Programa “ Bem Estar Pessoal”  foi  implementado no município de São Lourenço da Serra- SP,  situado em uma  microrregião de Itapecerica da Serra, zona sudoeste da região Metropolitana de São Paulo, possuindo uma população estimada em 2019 (IBGE) com aproximadamente 15.825 habitantes e a área é de 186,456 km², o que resulta numa densidade demográfica de 84,02 hab/km², constituindo basicamente uma população com característica rural.

 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) define os programas, as políticas e as atividades que são executados baseando-se nos princípios de concepção holística, intersetorialidade, empoderamento, participação social, equidade, ações multi-estratégicas e sustentabilidade como características da promoção de saúde desde 1998.

 

Com a preocupação em ampliar as metas já estabelecidas pela Diretoria de Saúde do Município de São Lourenço da Serra  que  visam atuar em consonância com as diretrizes e os princípios do Sistema Único de Saúde, articulando-se com as direções federal, estadual e municipal considerando  a  programação, elaboração e execução da política de saúde do município através da implementação do Sistema Municipal de Saúde e do desenvolvimento de ações de promoção, proteção e recuperação da saúde da população com a realização integrada de atividades assistenciais e preventivas; bem como,  com a promoção de campanhas de esclarecimento, objetivando a preservação da saúde da população é que o Instituto Morgan institui neste ano de 2019 o “Programa Bem Estar Pessoal”.

Programa atende as Unidades:

OBJETIVO:

                  O Programa “Bem Estar Pessoal”, elaborado pelo Instituto Morgan tem como objetivo promover momentos e ações benéficas à saúde e ao bem estar dos colaboradores técnico-administrativos, ampliando  a ação para pacientes das Unidades de Saúde, visando contribuir com a qualidade de vida.

Este projeto tem como estratégia estar em contínuo aprimoramento e, desse modo, atender às demandas e necessidades emergentes dos funcionários de maneira participativa, no que se refere ao tema qualidade de vida.

APLICABILIDADE:

                 O projeto iniciou em maio de 2019 com o Módulo I do Programa ,  visando o curso de formação de 30 horas com foco em: Gestores; Enfermeiros e Equipe Administrativa, estabelecendo  a temática de “Sinergia Profissional”, com encontros quinzenas   , sempre com foco na  saúde mental   intervalando com vivências para o alívio do estresse e tensões adquiridas durante o dia a  dia.

Contamos com grupo eclético, entre eles: Diretores de Saúde, Enfermeiros Chefes, Auxiliar de Almoxarifado, Motorista do SAMU e Atendentes, com a ideia da participação colaborativa horizontal.

Módulo I

Público – Gestores, Enfermeiros e Administrativo

Carga Horária  –  30 horas
Objetivos :

 

  • Entender o poder da sinergia na vida e nas relações profissionais;
  • Dialogar com as competências e habilidades que precisamos aprimorar para sermos bons líderes, e consequentemente nos tornarmos gestores com autonomia, despertando a autonomia no outro;
  • Refletir sobre a assertividade, mediando os conflitos e promovendo as resoluções dos problemas;
  • Oportunizar a quebra de paradigma quanto as escolhas profissionais retomando e reavaliando os valores que damos as situações do cotidiano;
  • Reavaliar os valores interpessoais a partir do já vivido como propósito de transformação;

Plano de Atuação:

Dia 23/05/2019

  • O poder da sinergia
  • Sociedade Verde e Vermelho ( reconhecendo as diferenças).
  • Rede de Ideias ( Fato ou boato?)
  • PPT : Percepção e reconhecimento.
  • Vídeo : Zoom “ Istvan Banyaiw
  • Rede de Ideias – Comportamento que geram confiança. Quem sou para o outro?
  • Vídeo – Hell is Matt – A Dança.
  • Quadro de Proposta : 1-O que eu quero? 2- Qual o meu objetivo? 3- Até quando? 4- O que eu já tenho que pode me ajudar a atingir meu objetivo? 5- O que eu ainda não tenho e preciso desenvolver? 6- Quantas pessoas se beneficiarão com a realização do meu objetivo?
 
 

Dia 29/05/2019

 

  • Quem sou eu em você? ( Qual conexão estabelecemos em nosso último encontro?).
  • A ilha ( estabelecendo a importância do grupo).
  • Como gestamos conflitos?
  • Gestão de conflito.
  • Memórias – tudo depende de como levamos o dia.
  • “O lixo” ( Fernando Veríssimo).
  • Meditação ativa do coração ( Osho).
  • :” Eu posso, sou possível” ( MUDRA).
 
 

Dia 03/06/2019

 

  • Como superamos conflitos internos e externos?
  • Dinâmica “ Tap Tap”
  • “O guia ”. ( o que sou? E como me sinto?)
  • PPT : Administrando a energia para o autoconhecimento.
  • Leitura compartilhada – “ Interser” de Thich Nhât Hanh ( Sutra do coração).
  • Dinâmica – Somos energia consciente.
  • Equipe – Onde perdemos energia? ( quadro de conceitos e ações).
  • Encerramento – Canto Indigena Kariri Xocó ( superação)
 
 

Dia 19/06/2019

 

  • : Dias melhores ( jota Quest)
  • Rede de Ideias: O que fizemos para mudar o hábito/energia?
  • Dinâmica : A Rede ( confiar para seguir).
  • Video – Vida Maria
  • PPT – Administrando energia – Constelando relações interpessoais.
  • O que te pertence e o que te possui? M.S.Cortella
  • Dinâmica – Nenhum a menos.
  • Rede de Ideia – Quadro de transformação.
  • Meditação ativa de encerramento.
 
 

Dia 06/07/2019 (Encerramento na Sede Embu)

 

  • Café com poesia.
  • Vivência YOGA com professor Felipe Cameron
  • Dinâmica das Bexigas.
  • Leitura compartilhada : “Silêncio dos índios ( Ideologia dos povos Lakota)”.
  • PPT – O poder dos mudras para a saúde.
  • Confecção das mandalas.
  • PPT: a força das mandalas para gestar conflitos internos e externos
  • Mandala humana e o poder da reconexão . ( símbolos e simbolismos)
  • Almoço ( Encerramento com Sarau poético.)
 OBJETIVOS ALCANÇADOS
                                                    1o  ENCONTRODespertar do olhar atento para com  o “outro”, abrindo a percepção para enxergar a aprendizagem coletiva, observando o caleidoscópio de relações que se alinham através de  nossas atitudes.
                                                    2o  ENCONTRO

Diálogo com as competências e habilidades que precisamos aprimorar para sermos bons líderes, e consequentemente nos tornarmos gestores com autonomia, despertando a autonomia no outro.

 

                                                   3o  ENCONTRO

Reflexão sobre a assertividade, mediando os conflitos e promovendo as resoluções dos problemas.

 

                                                   4o  ENCONTRO

Quebra de paradigma quanto às escolhas profissionais retomando e reavaliando os valores que damos as situações do cotidiano.

 

                                                  5o  ENCONTRO

Entender o poder da sinergia na vida e nas relações profissionais.

 

Desdobramentos:

 

                     No segundo mês da implantação do Programa , foi observado a necessidade de se estender a programação para os Agentes de Saúde Comunitários, considerando  suas atribuições  que permeiam orientação das famílias e comunidade; e encaminhamento dos casos e situações de risco identificados aos outros membros das equipes de saúde,  possuindo um papel importante na expansão e consolidação da atenção primária à saúde (APS), sendo alvo de contínuo estresse.

 

                    De acordo com  Filgueiras (2011). “O trabalho em equipe foi identificado como um limitador do trabalho dos ACS, quando falta articulação das suas ações com a de outros profissionais e, ainda, pelo engessamento das relações, produzido pela organização do trabalho que dificulta a troca entre os atores fora de espaços instituídos para isso”.  Considerando os estudos feitos pelo Programa Bem Estar e a realidade vivida no município e São Lourenço da Serra, é que então surgiu o MÓDULO II do Programa, visando o curso de formação de 20 horas com foco em: Agentes Comunitários de Saúde, estabelecendo a temática de “Sinergia Profissional e Relações Interpessoais”.

Módulo II

Público –  Agentes Comunitários de Saúde

 

Carga Horária  –  20 horas

 

Objetivos :

 

  Dialogar com as competências e habilidades que está em nós para melhor atendermos ao outro.

 

v  Refletir sobre a assertividade, mediando os conflitos e promovendo as resoluções dos problemas;

 

v  Oportunizar a quebra de paradigma quanto as escolhas profissionais retomando e reavaliando os valores que damos as situações do cotidiano;

 

v  Entender o poder da sinergia na vida e nas relações profissionais;

 

v  Reavaliar os valores interpessoais a partir do já vivido como propósito de transformação;

 

 

       Plano de Atuação:

 Considerando o público alvo e suas necessidades, foi instituído nos encontros quinzenais, vivências  que foram correlacionadas com a integração do grupo, sendo  atendidos 24 servidores, sendo todos Agentes Comunitários de Saúde ( ACS) , divididos em dois grupos em distintos horários. A atuação se deu na  busca da integração entre eles, considerando a diferença no trabalho dos diversos pólos : Paiol, Despézio e Centro, com intuito de promover a saúde mental, que perpassa pelos  saberes e vontades diversas, para enfrentar problemas simples e  complexos encontrados na comunidade local.

 A Organização Mundial da Saúde (2002) estabeleceu como tema prioritário a construção de políticas públicas estimulando a prática de atividade física na promoção da saúde e qualidade de vida. Importante ressaltar que os benefícios para a saúde podem ser conseguidos com uma alimentação saudável e balanceada. Os movimentos corporais da vida diária, como caminhar para o trabalho, subir escadas e dançar, bem como atividades de lazer e esportes recreativos, contribuem significativamente para nosso bem estar e promoção da saúde.

Ao planejar um trabalho específico junto aos Agentes Comunitários, o Programa foi sendo desenhado de acordo com  as necessidades , considerando  de extrema relevância o feedback dos grupos,  uma vez que no modelo socioeconômico contemporâneo, as pessoas passam grande parte de seu tempo no ambiente de trabalho, foco este do Programa “ Bem Estar Pessoal”.

Objetivos específicos alcançados:

                 Fortalecimento da autoestima , o sentimento de segurança, pertencimento, autorrealização, dignidade  em um ambiente que atenda às necessidades biopsicossociais.

Quanto à questão da saúde, esta não é mais vista como um conceito simplista de ausência de doenças, e sim, determinada também por variáveis externas do meio ambiente, além do estilo de vida dos indivíduos e o equilíbrio entre fatores externos e internos do ser humano (GIL, 2001).

Portanto, a promoção de qualidade de vida aos Agentes Comunitários das Unidades de Saúde: Paiol, Centro e Despézio, vem se tornando a maneira essencial para manter-se a motivação e o comprometimento dos funcionários

 

Não obstante, qualidade de vida no trabalho trata-se de um setor ainda pouco explorado que está sendo recentemente inserido no ambiente de trabalho diante das 5 pressões de um conceito antigo – mas antes sem relevância – o respeito por todos e a valorização das pessoas nas organizações perpassa em se reconhecer no outro. ( IFRN – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte) 

QUADRO DE SAÚDE INTEGRAL ( REFLEXÃO DE ABORDAGEM)

O que fazer?

Onde vou fazer?

Quem irá fazer?

Como será feito?

Público Alvo

Aquisição do Conhecimento

O que mudou?

A proposta teve como objetivo disseminar estratégias de cuidado, de proteção do próprio corpo e de minimização dos problemas encontrados na realização do trabalho dia a dia.

Desdobramentos:

 

            No decorrer  do curso aos ACS, foi averiguado junto ao Centro de Especialidades João da Luz  que é um  pólo de atendimento  de Especialidades Médicas, que os pacientes ficavam  aguardando  na recepção de forma ociosa, até seu atendimento efetivo. A demanda era muito grande por troca de medicação controlada ( e ainda é), portanto, com a necessidade de abarcar esse grupo de pacientes, instituímos o MÓDULO III” do Programa, que visou atender de forma sistematizada  com  palestras na recepção e aplicação do Reiki nos pacientes que passavam em consulta com a psicóloga Luciana Ramos e com a   Psiquiatra Ana Freitas.

Módulo III

             O Módulo III, foi instituído na Unidade “João da Luz” a partir do mês de outubro/2019, inicialmente com palestras motivacionais e com práticas do “bem viver”, colaborando com os pacientes que ficavam aguardando o atendimento. Foi realizada semanalmente dentro das agendas dos especialistas da psicologia e da psiquiatria. A palestra teve a duração de 1hora, sendo muitas vezes assistida por munícipes que não estavam propriamente agendados, pois, no decorrer da aplicabilidade que perdurou 2 meses , foi perceptível o envolvimento e participação da comunidade presente.

 

            No decorrer dos meses de outubro e novembro, iniciamos também em horários alternados ao da palestra , a aplicabilidade do Reiki em pacientes que passavam com a psicóloga Luciana Ramos e da psiquiatra Ana Freitas.

 

Contextualização:

 

            O Reiki é um tratamento global e atua em todas as dimensões do ser humano (física, emocional, mental e espiritual) contribuindo para o bem-estar e qualidade de vida sem nenhuma contraindicação. Atualmente temos a aplicabilidade  em grandes hospitais como:  Sirio Libanês, HC e outros. O Reiki é uma prática oriunda do Japão caracterizada por imposição de mãos nas superfícies corporais ou próximo delas e que segundo seus praticantes transmite uma energia universal como forma de equilíbrio energético para si ou nos outros. (rei: universo; ki: energia vital).

 

O Reiki é uma prática presente no Sistema Único de Saúde (SUS) e na atenção primária à saúde (APS) pelo menos desde 2004, quando foi registrado em levantamento do Ministério da Saúde, sendo que recentemente foi reconhecido oficialmente como uma prática integrativa e complementar (PIC) na tabela de procedimentos do SUS. Pesquisas têm evidenciado os seus benefícios à saúde humana , seu bem estar e qualidade de vida, e como influência ou é aplicado no cuidado do outro e dos usuários dos serviços.(VIERA,2017).

 

Os benefícios do Reiki variam de um indivíduo ao outro, incluindo relaxamento e alívio de sintomas do estresse, dor, fadiga, náusea, ansiedade e insônia, entre outros.

PROPOSTA DE PALESTRAS E ATENDIMENTOS
Outubro/ Novembro 2019

PROPOSTA DE PALESTRAS E ATENDIMENTOS

Outubro/ Novembro 2019

 

DIA / HORA

LOCAL

VIVÊNCIA

 

5. FEIRA

17/10

24/10

07/11

21/11

 

 

9H ÀS 11:30

 

JOÃO DA LUZ

LOCAL: RECEPÇÃO

 

PALESTRA

“QUALIDADE DE VIDA E AUTO ESTIMA

 

Público Alvo : Pacientes e comunidade presente que queiram refletir sobre suas escolhas e a importância da auto cura através dos pensamentos positivos.

 

3.FEIRA

22/10

05/11

8:30h às 12:30

 

e

29/10

19/11

14h às 17h

 

 

DESPÉZIO

LOCAL: SALA DE ATENDIMENTO.

 

( 8 pessoas atendidas por dia / 30 minutos de duração)

 

 

ATENDIMENTO EM REIKI

 

Público Alvo : Pacientes  e comunidade presente  queira receber o Reiki (energia de cura, da medicina chinesa) – duração 30 minutos/ individual

 

3. FEIRA

22/10

14H ÀS 16H

 

 

 

 

 

 

 

 

3. FEIRA

29/10

8:30 h ás 12:30

 PAIOL

LOCAL: SALA DE ATENDIMENTO.

 

 

 

 

 

 

 

 

PAIOL

LOCAL: SALA DE ATENDIMENTO.

 

 

PALESTRA

“ QUALIDADE DE VIDA E AUTO ESTIMA”.

 

Público Alvo : Pacientes e comunidade presente que queiram refletir sobre suas escolhas e a importância da auto cura através dos pensamentos positivos.

 

 

ATENDIMENTO EM REIKI

 

Público Alvo : Pacientes  e comunidade presente  queira receber o Reiki (energia de cura, da medicina chinesa) – duração 30 minutos/ individual

Registro das Ações Módulo I

Registro das Ações Módulo II

Alameda André Rebouças,229

Embú das Artes – SP    /    ¹¹4557-3214